cover
Tocando Agora:

Nova Faol tem cinco dias para apresentar explicações sobre incêndio em ônibus

Empresa precisa apresentar esclarecimentos à prefeitura de Nova Friburgo. Incêndio foi na última quinta-feira (29) e chegou a atingir casas. A Prefeitura de ...

Nova Faol tem cinco dias para apresentar explicações sobre incêndio em ônibus
Nova Faol tem cinco dias para apresentar explicações sobre incêndio em ônibus (Foto: Reprodução)

Empresa precisa apresentar esclarecimentos à prefeitura de Nova Friburgo. Incêndio foi na última quinta-feira (29) e chegou a atingir casas. A Prefeitura de Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio, deu um prazo de cinco dias para que a empresa de transporte urbano Nova Faol apresente explicações sobre o que provocou o incêndio de um ônibus, no loteamento Jacina, que fica na Chácara do Paraíso. O acidente foi na manhã da última quinta-feira (29). Fogo chegou a atingir casas Pablo Pais A equipe do g1 esteve no local do acidente e moradores contaram que o ônibus começou a pegar fogo em uma rua antes de parar. As testemunhas afirmaram ainda que a tragédia só não foi maior graças a habilidade da motorista, que conseguiu parar na Rua Sinder, depois da descida do ponto final, evitando que o veículo descesse ribanceira abaixo. Devido a via ser estreita, quando o ônibus pegou fogo tudo que estava em volta também foi atingido, como a fiação dos postes, fachadas das casas e até um hidrômetro, que estourou com o calor do fogo. Em Nova Friburgo, ônibus pegou fogo nesta quinta no bairro Chácara do Paraíso Moradores ficaram apavorados com o barulho gerado pelas explosões, mas, apesar do susto e da correria, ninguém se feriu gravemente. O ônibus passou por uma perícia da Polícia Civil e foi levado para a garagem da empresa, onde também irá passar por uma perícia técnica para apurar o motivo que causou o incêndio. De acordo com a empresa, o ônibus estava com a manutenção preventiva em dia. “O problema é que é uma frota já envelhecida. Isso decorrente de tudo que já se sabe, falta de contrato, contratos precários, emergenciais, o que gerou toda uma precarização.” comentou o subsecretário de serviços concedidos, Rodrigo de Lima. Confira o pronunciamento oficial da Nova Faol sobre o acidente: “A Direção da FAOL, esclarece que o ônibus 015, que operava nesta manhã na linha 31 Jacina, estava com manutenção preventiva em dia e com as devidas revisões, obedecendo-se às práticas rotineiras aplicadas aos demais veículos da frota. Informamos que o incêndio foi controlado pelo Corpo de Bombeiros, felizmente sem vítimas. O coletivo foi substituído e a linha operando temporariamente até a Praça do bairro. Uma equipe da empresa está no local para avaliar os danos causados, fazer a limpeza e dar todo suporte necessário ao ocorrido. Ressaltamos que uma perícia técnica será feita para apurar o real motivo que causou o incêndio.” A fiscalização Questionado sobre como se dá a fiscalização do serviço de transporte público em Nova Friburgo, o subsecretário de serviços concedidos, Rodrigo de Lima, explicou que ela é feita pela prefeitura, com procedimentos como ir até a garagem da empresa, verificar na oficina o que está sendo feito, como os serviços estão sendo feitos e também se o espaço é dotado de ferramentas necessárias. No entanto, o subsecretário explicou que nos últimos anos, com a questão dos contratos precários, a fiscalização tem dificuldades, mas com a assinatura do novo contrato, onde a Nova Faol venceu a concessão por 10 anos, isso deve mudar. “O contrato novo, com a nova licitação, eu vou ter regulamento interno e uma série de coisas a aplicar, como multas, e uma série de procedimentos de verificações que as partes terão que cumprir. E um outro detalhe importante que é dotar a secretaria de pessoal também para acompanhar isso mais a fundo” disse ao g1 Rodrigo de Lima.